Eleições Municipais 2012
  Publicado em 14/9/2012 14:18, com 1513 acessos.


No dia 7 de outubro deste ano, teremos mais uma eleição municipal. Será um importante momento de o eleitor escolher aqueles que conduzirão os rumos de seu município durante 4 anos. Para o eleitor cristão, participar da vida política do município é uma maneira exigente de viver o compromisso cristão da caridade à serviço dos outros. Daí sua necessidade de votar de forma responsável e consciente. Ao escolher seu candidato, o cristão católico precisa estar ciente de que o fim e o fundamento da política é a pessoa humana. Isto exige da comunidade política a busca pelo bem comum e a criação de um ambiente humano em que seja oferecida aos cidadãos a possibilidade do exercício dos direitos humanos e de um pleno cumprimento dos seus respectivos deveres.

O Prefeito e os Vereadores têm uma tarefa comum: eles devem buscar a felicidade para todos os moradores da cidade, garantir-lhes um espaço seguro, ordenado e manso, onde todos possam se dedicar à busca de sua plena realização. Um político por vocação é um poeta que tem a responsabilidade de transformar poemas sobre jardins (lembramos a harmonia e a felicidade do jardim de Éden) em jardins de verdade, e de transformar sonhos em realidade. A democracia é uma obra de arte coletiva, que começa com as idéias do povo. Votos e eleições são apenas os meios para que o pensamento e a vontade do povo se realize.

As eleições municipais, além de possibilitar que conheçamos melhor cada candidato, têm a característica de trazer para mais perto de nós os temas e os projetos sobre os problemas que nos afetam diretamente: educação, saúde, segurança, trabalho, transporte, moradia, ecologia, lazer... É nestas eleições que começa nossa participação cidadã através da escolha de quem vai gerir e aplicar as políticas públicas em cada município. Por isso é fundamental que cada um use todos os meios possíveis para votar bem. A CNBB publicou a cartilha “Eleições Municipais 2012, cidadania para a democracia”, para ajudar o eleitor a refletir em vista do voto consciente. Entre as orientações do subsídio, se pede a reflexão sobre as práticas que caracterizam o eleitor consciente do valor de seu voto e de suas consequências para a vida do povo e do país, e a realização de debates, palestras, seminários e formações sobre a função do prefeito, vice e vereadores nos ambientes escolar, religiosos, entre outros.

As eleições municipais são uma grande oportunidade para contribuirmos com a construção da cidadania. Por isso é essencial discutirmos abertamente com os candidatos e conhecermos a ficha e o histórico de coerência de vida e de discurso político de cada um, para verificarmos se seus discursos e suas atitudes são pautados pelos valores éticos e morais. Devemos conhecer e difundir a Lei da Ficha Limpa, pois ela é um grande viés orientador no processo de escolha do candidato. É necessário que distingamos bem dois tipos de políticos: 1- aqueles que se oferecem aos olhos do povo, em que suas imagens são produzidas e aparecem exaustivamente nos jornais, nos cartazes, na TV, que fazem promessas e inauguram obras; e 2- aqueles que oferecem novos olhos ao povo, pois sabem que o que importa não é que sejam vistos pelo povo, mas que o povo possa ter um mundo novo através deles.

Devemos tomar cuidado com aqueles candidatos que ao pedirem votos, se apresentam usando “peles de carneiro, mas na verdade são lobos disfarçados” (Mt 7, 15). Existem muitos políticos que defendem a família e a moral cristã, que andam até com a Bíblia na mão, mas que em suas práticas políticas não são nada éticos ou religiosos. Da mesma forma, devemos estar alertas com aqueles que se dizem “católicos”, mas que depois de eleitos somem e só aparecem novamente na época das eleições.

Porém, o exercício da cidadania não se esgota no voto. É dever de todos acompanhar e exigir daqueles que foram eleitos a prestação de contas de seus mandatos, a transparência nos projetos, nas licitações e nas aprovações, a revisão do atual modelo econômico, a busca por uma ampla reforma agrária e pela necessária e tão adiada reforma política. A Igreja, em seu Ensino Social, instrui que o ato de votar constitui uma parte fundamental do ser político e da corresponsabilidade de todos os cidadãos.

Todos nós temos que votar conscientes de que exercemos nosso papel na busca por um mundo mais humano, sem pobreza e sem exclusão, sem fome e sem preconceitos. Se alguém vota por obrigação ou diz que não gosta de política, deixo-lhes a reflexão do pensador Berthold Brecht: “O pior analfabeto é o analfabeto político. Ele não ouve, não fala, nem participa dos acontecimentos políticos. Ele não sabe que o custo de vida, o preço do feijão, do peixe, da farinha, do aluguel, do sapato e do remédio dependem das decisões políticas. O analfabeto político é tão ignorante que se orgulha e bate no peito dizendo que odeia a política. Não sabe ele que de sua ignorância política nasce a prostituta, o menor abandonado, e o pior de todos os bandidos, que é o político vigarista, pilantra, corrupto e o lacaio das empresas nacionais e multinacionais.”

Fr. Ailton, msc

REFERÊNCIAS
CNBB. Eleições Municipais 2012, cidadania para a democracia. Brasília, 2012.
ALVES, Rubem. Conversas sobre política. Campinas: Verus, 2010.





Notícia : Geral

  14/02/2018 - Geral - Campanha da Fraternidade 2018
  10/08/2017 - Eventos - 33ª Expo Piranguçu
  01/06/2017 - Geral - Festa Santo Antonio
  05/04/2017 - Geral - Semana Santa 2017 - Paróquia Piranguçu
  29/03/2017 - Geral - Visita da Imagem Peregrina
  22/02/2017 - Geral - Piranguçu - 54 anos
  22/02/2017 - Geral - Campanha da Fraternidade 2017
  09/06/2016 - Eventos - Festa do Divino Pai Eterno
  31/05/2016 - Eventos - Festa de Santo Antonio
  31/05/2016 - Eventos - Festa de São João.
  03/04/2016 - Eventos - 22ª Festa da Banana - Antunes
  16/03/2016 - Geral - Semana Santa 2016 - Paróquia Piranguçu
  14/02/2016 - Geral - Campanha da Fraternidade 2016
  14/08/2015 - Eventos - 32ª Exposição Agropecuária de Piranguçu
  07/07/2015 - Eventos - Arraiá da AAPP
  25/05/2015 - Geral - Novena e Festa de Santo Antonio
  20/04/2015 - Versos e Prosas - Pátrio Alferes
  08/04/2015 - Geral - 21ª Festa da Banana - Antunes
  30/03/2015 - Geral - Semana Santa 2015 - Piranguçu
  22/02/2015 - Geral - Piranguçu 52 Anos

»Veja +