Garrolê
  Publicado em 19/6/2013 11:43, com 391 acessos.


Ritinha do seu Benê
Levada pra daná
Só vivia prá cumê
Sem gosta de trabaiá

Mais um dia Ritinha
Depois de tanto cumê
Fico doente "coitadinha"
Cumeu muito, garro lê

Dona Rosa procupada
Vendo a fia passa má
Correu em disparada
O "seu" dotô foi busca.

O dotô apeô do burro
Pela casa foi entrano
Escuitano aqueles urros
De Ritinha estrebuchano.

Mais parecia um frango
Cum pescoço distroncado
Um verdadero molango
Pelo chão esparramado.

Cheio de procupação
Falô o dotô do jeito seu
Isso sim, é congestão
O que foi que ela comeu?

A véia ca mão no peito
Teve que logo dizê
Ritinha tá desse geito
Depois que comeu, garro lê.

Tô num beco sem saida
Disse o dotô de supetão
ja cumi de tudo na vida
Mais garrolê, ainda não!

Num é cumida é impricança
Seu dotô pode intendê?
Ritinha encheu a pança
Pegô o livro, e garro lê.


Versos enviados por José Braz da Costa





Conteúdo : Versos e Prosas

  20/04/2015 - Versos e Prosas - Pátrio Alferes
  08/09/2014 - Versos e Prosas - Simplesmente Eu!
  12/12/2013 - Versos e Prosas - Natal, presente de Deus
  03/10/2013 - Versos e Prosas - Desencanto
  14/08/2013 - Versos e Prosas - É Pedra ou Pedreira?
  24/06/2013 - Versos e Prosas - A Passagem
  19/06/2013 - Versos e Prosas - Garrolê
  19/06/2013 - Versos e Prosas - Gatinha Sassafraz
  09/06/2013 - Versos e Prosas - Sonhos Dourados
  09/06/2013 - Versos e Prosas - Doze de Junho
  26/02/2013 - Versos e Prosas - Cinquentenário de Piranguçu
  26/11/2012 - Versos e Prosas - Bairro Sobradinho em Versos.
  22/08/2012 - Versos e Prosas - O Site em Versos.
  31/07/2012 - Versos e Prosas - Homenagem ao Delicado.
  23/05/2012 - Versos e Prosas - A História do Zé Pintinho.
  12/05/2012 - Versos e Prosas - FELIZ DIA DAS MÃES.
  29/02/2012 - Versos e Prosas - Eu sou a Piranguçu.
  25/01/2012 - Versos e Prosas - Folhas ao Vento - Poema
  16/01/2012 - Versos e Prosas - Fotos Antigas - Poesia
  16/12/2011 - Versos e Prosas - Minha Saudade

»Veja +